BR Partners

Entenda o que são as operações de M&A

M&A (do inglês mergers and acquisitions, ou “fusões e aquisições”) é o termo geral utilizado para designar o processo de consolidação entre duas ou mais empresas. O objetivo principal das operações de M&A é utilizar a sinergia existente entre diferentes negócios para que o todo (a nova empresa combinada) tenha maior valor que a soma das partes (cada empresa operando separadamente).

Apesar do termo M&A se referir a fusões e aquisições, há importantes distinções entre elas. Fusões ocorrem quando duas empresas de mesmo porte relativo combinam suas operações para formar uma nova entidade, e cada uma das empresas originais deixa de existir. Aquisições ocorrem quando uma empresa adquire outra por meio da compra de participação acionária majoritária, incorporando as operações da segunda empresa, que deixa de ser independente.

Como operações de M&A criam valor?

As sinergias entre diferentes empresas que resultam na criação de valor após uma operação de M&A podem ser divididas em quatro fontes principais:

Sinergias operacionais. Quando duas companhias possuem produtos ou serviços similares, combinar operações pode criar oportunidades para redução de custos e aumento da eficiência através de economias de escala (como combinação de plantas, redução de redundância de pessoal, compras maiores de insumos com desconto); também pode aumentar o crescimento das operações em mercados novos e existentes ao unir as capacidades das redes de distribuição e marketing; e pode aumentar o poder de precificação da empresa dada a diminuição da competição e maior fatia do mercado, aumentando as receitas operacionais.

Sinergias financeiras. A empresa combinada irá possuir operações maiores, e pode se beneficiar de maiores notas de crédito e menores custos de financiamento, pela previsibilidade das receitas e do fluxo de caixa, assim como maior capacidade de endividamento e maiores benefícios tributários.

Diversificação. A união das receitas operacionais e dos riscos específicos de cada empresa pode gerar uma diversificação que mitiga o risco da empresa combinada e torna suas operações mais estáveis. Esse fator é preponderante quando a combinação é entre firmas que atuam em indústrias distintas.

Controle organizacional. Algumas empresas são mais eficientemente administradas que outras, e uma fusão ou aquisição pode gerar reestruturações administrativas que melhoram a eficiência das operações e geram valor.

Apesar da ampla gama de benefícios potenciais das operações de M&A, é importante ter um entendimento abrangente das oportunidades e dos processos necessários para uma execução de sucesso.